Contato: (71) 3027-4100

Os egípcios e hindus, cerca de 3.000 a.C., já usavam anéis para simbolizar a aliança entre homem e mulher. Para eles, um anel, um círculo, significava o que não tem um fim – mais modernamente representa o amor contínuo entre o casal, um símbolo de amor, fidelidade e cumplicidade. No ano 3 a.C., Alexandre o Grande, dominou o território egípcio e, assim, o hábito foi introduzido na Grécia.

Quando o assunto é casamento, muitos leitores expõem dúvidas nos comentários aqui do blog: as alianças devem, obrigatoriamente, ser de ouro amarelo? É possível optar por um modelo diferenciado ou apenas os tradicionais podem ser utilizados para celebrar a união? A aliança feminina e masculina precisam ser iguais?

Anel de noivado precisa ser de diamante? Não precisa. Há países, como nos Estados Unidos, onde a tradição é fazer o pedido de casamento com um anel de diamante. Mas muitas mulheres, inclusive princesas e rainhas, noivaram com anéis de safira, de esmeralda. Há quem fique noiva com a aliança de ouro, usada também na cerimônia do casamento. O que vale, mesmo, é marcar o momento. E cada um pode fazer à sua maneira.